Obras na ponte da Marina na MT 220 devem iniciar no final do mês

DCIM100MEDIADJI_0602.JPG

A Ponte será alteada em 0,7 metros. Durante as obras, duas balsas serão disponibilizadas gratuitamente, 24 horas, para os usuários da rodovia.
Obras na ponte da Marina na MT 220 devem iniciar no final do mês, informa Sinop Energia
No final deste mês, as empresas contratadas pela Sinop Energia, Concessionária da Usina Hidrelétrica Sinop, devem iniciar as obras de alteamento da ponte da MT-220, conhecida como ponte da Marina, que liga o município de Sinop a Juara e outros da região Norte de Mato Grosso.

Essa obra integra o pacote de macro interferências que a Concessionária da Usina tem executado na região do futuro lago, que deve começar a ser formado em setembro deste ano. A interferência na MT-220 fica a 28 km do trevo de acesso à rodovia pela BR-163. Nesse local, haverá a elevação da ponte em 0,7 metros. Para que o trânsito não seja interrompido, serão disponibilizadas duas balsas que funcionarão 24 horas por dia, sete dias por semana. As balsas são para veículos pesados e leves e não haverá qualquer custo para os usuários da rodovia. As obras devem seguir até agosto deste ano.

A previsão inicial é que essa obra iniciasse amanhã, 15 de maio, porém, a preparação da pista de acesso às balsas está em fase de conclusão, conforme explica o diretor de Meio Ambiente da Sinop Energia, Ricardo Padilha. “Estamos adotando todas as medidas para que a obra se dê com total segurança, tanto para os usuários da rodovia, quanto para os colaboradores envolvidos no trabalho. Iniciaremos a obra somente quando todos os acessos e licenças estiverem conclusos. Aguardamos também a anuência da Sinfra [Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística] de Mato Grosso”, salienta.

MACRO INTERFERÊNCIAS

Outras obras estão em curso em antecipação ao enchimento do reservatório da Usina Hidrelétrica Sinop. A balsa da Estrada Atlântica será substituída por outra de maior capacidade. Também serão construídos novos atracadouros nas margens direita e esquerda do rio Teles Pires. Para o fluxo de máquinas, veículos e equipamentos, durante as obras será construído um desvio provisório da estrada na margem esquerda do rio Teles Pires. Os novos atracadouros e a balsa maior entrarão em uso apenas quando o reservatório encher.

Já na BR-163, desde agosto de 2017, está sendo realizado o alteamento da pista em três pontos no trecho que liga Itaúba a Sinop, sendo nas proximidades do Rio Roquete, localizado entre o KM-872 e KM-874; no Ribeirão Baixada Morena entre os KM-878 e KM-879; e por último, a região do Córrego Loanda, entre os KM-887 e KM-890.

Fonte: Sinop Energia

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here