Mato Grosso terá aumento de 10% na produção de milho safrinha, estima Conab

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) estimou um aumento de 10,1% na produção de milho mato-grossense segunda safra. De acordo com o órgão, o Estado deve produzir 34,1 milhões de toneladas do cereal na safra 2019/2020. Na safra anterior, produziu 31 milhões.

Segundo a Conab, a semeadura foi encerrada em março e as lavouras se encontram “predominantemente em estádio reprodutivo e uma menor parcela ainda em desenvolvimento vegetativo devido ao uso de variedades de ciclo mais tardio e também por áreas semeadas em momento posterior”.

A companhia avalia que as condições das lavouras “são positivas, ainda que exista atenção quanto ao clima em determinadas regiões, cujo volume das precipitações pluviométricas tem ficado abaixo da média, especialmente nas regiões sul, sudeste e oeste do estado”. Destacou, também, que a maior parte das lavouras já se encontra “a salvo devido a sua semeadura majoritariamente dentro da janela ideal, visto que a incidência de estresse hídrico passou a ocorrer no momento de enchimento de grãos, principalmente”.

A Conab, no entanto, alerta que, caso ocorra a persistência da estiagem nas próximas semanas, “em algumas regiões poderá haver alguma redução na produtividade, porém com efeitos bastante moderados”. A produtividade da safra, projetado em 6.312 kg/ha, é 1% inferior aos 6.376 kg/ha obtidos no ciclo passado.

Já a a área plantada apresentou incremento de 11,2%, saindo de 4,8 milhões de hectares plantados em 2018/19, para 5,4 milhões de hectares, neste ciclo

Só Notícias/Herbert de Souza (foto arquivo/assessoria)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here